Servidores de Itapoá ainda sem respostas Imprimir E-mail
Política
Sáb, 05 de Abril de 2014 07:25

A diretoria do Sinsej reuniu-se com o prefeito de Itapoá Sérgio Aguiar (PMDB) na manhã de ontem (3/4) para discutir a Pauta de Reivindicações 2014. Também foi cobrado o encaminhamento da reformulação do Estatuto dos Servidores. Não houve resposta concreta sobre nenhum dos assuntos. Para o presidente do Sinsej, Ulrich Beathalter, há sinais claros de que a Prefeitura não pretende acatar aos pedidos da categoria.

Uma nova assembleia com os trabalhadores está agendada para 9 de abril, às 19 horas, na Câmara de Vereadores. Neste dia, os servidores vão avaliar que medidas de mobilização serão tomadas. Aguiar prometeu enviar uma resposta antes dessa data.

Estatuto dos Servidores

A proposta de novo Estatuto dos Servidores de Itapoá foi discutida entre um diretor do Sinsej e uma comissão que representava o governo durante todo o ano passado. Ela foi entregue ao prefeito em novembro e deveria ter sido enviada à Câmara de Vereadores ainda em 2013, o que não aconteceu até o momento.

Porém, na reunião de ontem, Aguiar afirmou que ainda não teve tempo de estudar a proposta.  Os diretores do sindicato questionaram a falta de diálogo entre o prefeito e os representantes do governo que ajudaram a formular o documento. Foram concedidos mais dez dias de prazo. Até lá, uma nova reunião deve ser agendada para tratar especificamente desse assunto.

Desrespeito
Entre os 23 pontos da Pauta de Reivindicações 2014, está o reajuste do vale-alimentação para R$ 380, mesmo valor pago em Garuva. Hoje esse benefício é de R$ 160.

Sem demonstrar nem ao menos ter considerado o documento, a Prefeitura já enviou à Câmara de Vereadores um projeto que aumenta o vale-alimentação para R$ 200. Desta forma, Aguiar demonstra ainda mais desrespeito à organização dos trabalhadores.

O assunto também será tema de discussão na assembleia do dia 9 de abril. A data-base da categoria é 1º de maio.


Fonte: Assessoria de Comunicação do SINSEJ.

 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar