Prefeito Ervino Sperandio desmente saída ou troca de partido político e trata de diversos outros assuntos em conversa com o DI Imprimir E-mail
Política
Sex, 07 de Agosto de 2009 19:07

Na tarde de ontem (06), o Diário de Itapoá esteve conversando com o Prefeito de Itapoá, Ervino Sperandio. Os assuntos foram variados, mas entre eles, a grande polêmica que foi levantada no início desta semana: de que o Prefeito estaria deixando o PSDB e filiando-se ao PMDB.


No início da conversa, o Prefeito Ervino Sperandio disse estar indignado com a divulgação de informações de que não houve apoio da Prefeitura à Festa das Nações. Segundo o Prefeito Municipal, tudo na festa foi cobrado e a Prefeitura se recusa a auxiliar financeiramente eventos com fins lucrativos. “Na crise que se instalou, por que vamos despender milhares de reais a uma festa com fins lucrativos?”, questionou Ervino. Mais indignado, ainda, Ervino ficou com o comentário de que ele, como Prefeito, só prestigia aquilo que gosta. “Foi divulgado que, na ocasião do Encontro dos Motorhomeiros, eu mobilizei diversos departamentos e fiz o que era possível para reunir meia dúzia de milionários no Município, e isso é um absurdo, pois foram 56 equipamentos (totalizando mais de 125 pessoas) e a Prefeitura não pagou um centavo. Esse povo trouxe dinheiro para cá. Eles pagaram mão-de-obra de todo mundo que trabalhou na instalação deles por aqui e, ainda, fizeram questão de comprar tudo o que necessitavam para o encontro, no comércio local”, argumentou.

Entre uma pergunta e outra, o Prefeito atendeu a um telefonema da SDR (Secretaria de Desenvolvimento Regional) de Joinville. No telefone, ele tratava da liberação de novos recursos ao Município. Entre eles, um projeto de recurso para a recuperação asfáltica e outro em relação à construção de um calçadão nas praias do Município. “Já tínhamos um projeto de construção de calçadão aprovado na legislatura que me antecedeu, mas os valores eram incompatíveis com o objeto do projeto e por isso, entramos com um novo projeto nesse sentido e estamos aguardando a aprovação do mesmo. Em relação ao projeto de recursos para a recuperação asfáltica, muitos me perguntam o porquê de não consertarmos determinados trechos de asfalto e o que ocorre é que estou esperando a liberação desses recursos estaduais, pois com eles não preciso utilizar os recursos do Município para essa recuperação”, justificou Ervino Sperandio.

O Prefeito desmentiu os comentários de que ele estaria indo para o PMDB, bem como de que estaria deixando o PSDB. “É uma babaquice! Eu seria cassado na hora, caso me desfiliasse do PSDB”, disparou o Prefeito. Perguntado sobre o possível motivo deste boato, o Prefeito Ervino disse que provavelmente isso se deu pela proximidade entre o Poder Executivo e o Poder Legislativo. “Hoje, temos uma Câmara Municipal que está cumprindo com o seu propósito. Trata-se de uma Câmara exemplar, onde quase a totalidade dos vereadores trabalha em prol do Município e não a favor ou contra o Prefeito. Por isso, o Poder Executivo está trabalhando em harmonia com o Poder Legislativo e o fato de o PMDB ter o maior número de vereadores entre os partidos políticos pode ter colaborado para essa especulação”, contou.

Em se tratando da notícia divulgada pelo TRE-SC na última terça-feira (04), a qual cita que foi mantida a desaprovação das contas do Prefeito Ervino referentes à última campanha eleitoral, o Prefeito diz não mudar nada em termos de governabilidade. “Não muda absolutamente nada, até porque não tenho pretensões políticas futuras. O nosso problema foi um atraso na abertura da conta bancária e não porque arrecadei antes ou gastei antecipadamente, mas sim por má interpretação da lei. Minha conta não apresentou nenhum erro com relação a números. Muitos outros prefeitos do Estado tiveram o mesmo problema que eu. Posso citar os de Garuva e de Navegantes como exemplos”, relatou o Prefeito.

O Prefeito aproveitou a oportunidade para informar que recentemente a Prefeitura fechou um novo convênio e contará com uma nova ambulância à disposição do Município. “Nos próximos dias, chegará uma ambulância grande. Trata-se de uma Fiat Ducato, em que estão instalando os equipamentos que solicitamos e, em breve, tal veículo estará à disposição da população”, informou.

Segundo Ervino Sperandio, a atual gestão trouxe para o Município cinco viaturas para as polícias civil e militar. Quarta-feira (05), chegou um GM Corsa. Em outra oportunidade, vieram dois Renault Logan. “Dei-me o luxo de trocar um deles por uma Parati que possui um camburão e, por isso, transporta os presos com maior segurança. Fui até à SDR e negociei a troca. Aproveito para agradecer às autoridades de segurança pública do Estado, as quais sempre estão dispostas a nos atender”, contou.

Ao final da conversa, o Prefeito Municipal informou que está trabalhando para conseguir um convênio que possibilite a construção de 10 postos salva-vidas em alvenaria e que em breve deve apresentar alguma novidade nesse sentido.

 

 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar