PM de Itapoá cumpre mandado de busca e apreensão em residência na Rua da Graça Imprimir E-mail
Policial
Sex, 01 de Maio de 2015 22:53

Na manhã desta sexta-feira (01), por volta das 07h15min, a Polícia Militar de Itapoá registrou ocorrência de cumprimento de mandado de busca e apreensão. As guarnições da Polícia Militar, em cumprimento de mandado de busca e apreensão, realizou a abordagem de uma residência localizada na Rua da Graça, bairro Itapema do Norte.


Trata-se de mandado de busca e apreensão conforme autos nº 0901490-77 2015.8.24.0126. Ao efetuarem as buscas na residência, os policiais localizaram em baixo do travesseiro que Braz dormia um revolver cal. 38, inox, marca "Guster", de número reprimido (pinado), de fabricação Argentina, municiado com 06 (seis) munições intactas.

Dando continuidade nas buscas, foram localizados 104 (cento e quatro) pedras de substância análogas ao "crack", já embaladas para venda, escondidas embaixo do colchão onde Braz dormia.

Em busca pessoal em marginal, os policiais localizaram no bolso da calça de Braz a quantia de R$1.530,00 em espécie com notas diversas. Os policiais também encontraram no guarda-roupas mais uma munição de cal. 38 intacta, duas (2) balanças de precisão, 01 (um) celular marca LG e 01 (um) celular marca Sansung, mais uma TV de LED marca Philips de 46 polegadas e um Pen Drive oriundos de tráfico.

Diante de todas as constatações de tráfico de drogas e receptação, os envolvidos foram conduzidos até a delegacia de Policia Civil, juntamente com os materiais do crime para as providências cabíveis.


Do Diário de Itapoá, com informações da Polícia Militar de Itapoá.


Polícia de Itapoá diz ter encontrado arma usada em cinco assassinatos

Cidade do Norte viveu onda de violência no começo deste ano, quando nove pessoas foram mortas nos primeiros dias de janeiro

Conforme reportagem do jornal A Notícia, a Polícia Militar de Itapoá pode ter encontrado na madrugada desta sexta-feira uma das principais provas para a solução de cinco de nove assassinatos ocorridos no começo deste ano na cidade.

A onda de violência registrada no começo de 2015, a maior da história da cidade, assustou os moradores e chamou a atenção das autoridades. Nos nove primeiros dias de 2015, nada menos que cinco pessoas foram mortas. Ao todo, houve nove assassinatos em janeiro.

Com um mandado de busca e apreensão, os policiais militares prenderam um rapaz de 21 anos, em flagrante. Ele era investigado por tráfico de drogas.

Na casa dele foram apreendidas 60 pedras de crack e R$ 700 em dinheiro. Mas a principal prova é um revólver que pode ajudar a polícia a elucidar mais da metade dos crimes ocorridos este ano.

A Polícia Civil começou a instaurar os inquéritos nos primeiros dias de janeiro e a investigar os principais suspeitos. O delegado Sérgio Roberto de Souza assumiu a investigação e priorizou a onda de violência, já que havia mais de 300 inquéritos na delegacia.

A suspeita da polícia é de que o suspeito preso na manhã desta sexta-feira tenha envolvimento ou praticado os assassinatos pessoalmente com a arma que estava na casa dele. O delegado deve ouvi-lo ainda hoje e confrontar as informações com os inquéritos.

 
Fonte: Jornal A Notícia.



 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar