Polícia Civil interdita sete estabelecimentos comerciais Imprimir E-mail
Policial
Seg, 02 de Setembro de 2013 23:17

Interdição realizada em Itapoá pela Polícia Civil.Na noite deste sábado (31), a Polícia Civil de Itapoá, através do setor de alvarás, jogos e diversões da Delegacia, realizou mais uma operação policial para fiscalização de alvarás de funcionamento dos estabelecimentos comerciais da Cidade. Mais de 30 estabelecimentos foram vistoriados, sete foram interditados e nove notificados para regularização.


Tiveram os estabelecimentos interditados, os que já haviam sido notificados anteriormente pela Polícia Civil e não regularizam a situação. Outros, porque não tinham nenhum tipo de alvará para o regular funcionamento (Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária, Prefeitura e Polícia Civil).


O objetivo de tais fiscalizações é o de estabelecer uma uniformidade quanto aos alvarás dos estabelecimentos comerciais da cidade de Itapoá; verificar a segurança do estabelecimento, através do alvará do Corpo de Bombeiros; verificar a higiene do local, através do alvará sanitário; verificar a regularidade tributária e fiscal do estabelecimento, através do alvará da Prefeitura Municipal; e verificar outros itens de atribuição da Polícia Civil, principalmente no que tange aos crimes contra a saúde pública, crimes tributários, crimes contra o consumidor, além de dar cumprimento a uma resolução da Polícia Civil do Estado de Santa Catarina.


Outro foco da operação é a prevenção de crimes e contravenções penais nesses estabelecimentos. Além das interdições e notificações realizadas, houve uma intensa fiscalização para verificar a entrada e permanência de adolescentes nos locais, assim como orientar os proprietários dos estabelecimentos de lazer acerca da necessidade do cumprimento da legislação específica sobre as condições para entrada e permanência dos menores de 16 anos nas casas noturnas de Itapoá, principalmente no que diz respeito à venda e consumo de bebidas alcoólicas.


O delegado de Polícia, Gilberto Crepaldi Mondini, orienta a todos os proprietários de estabelecimentos que estiverem com a documentação irregular, que procurem a Delegacia de Polícia Civil e demais órgãos para as providências quanto à expedição dos novos alvarás de funcionamento e, assim, evitem o constrangimento de serem notificados.  O Delegado ressalta que todos os alvarás emitidos no ano de 2012 já estão vencidos e os responsáveis já deveriam ter providenciado a nova expedição.



Da Polícia Civil de Itapoá, com adaptação do Diário de Itapoá. Foto: Polícia Civil de Itapoá.

 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar