Defeso do camarão está vigente em Santa Catarina desde o início do mês Imprimir E-mail
Pesca
Sex, 27 de Março de 2009 20:48

Desde o dia 1º de março, está vigente o período de defeso do camarão em vários estados do Brasil e, entre eles, o estado de Santa Catarina. Nesse período, que vai até o dia 31 de maio, a pesca desse crustáceo está proibida, a fim de permitir a sua reprodução.


Quem for flagrado, pescando ou descarregando camarão será autuado e terá o crustáceo aprendido. A multa varia de R$ 700,00 a R$ 100 mil e, ainda, é acrescida de R$ 20,00 por quilo de camarão apreendido.

Com a finalidade de promover assistência financeira temporária aos pescadores no período de defeso, existe o Seguro Defeso, em que o Ministério do Trabalho concede o valor de um salário mínimo por mês, durante os três meses vigentes do defeso.

Para o pescador itapoaense Ismael Bento da Silva, o período de defeso é muito importante para a reprodução dos camarões e, conseqüentemente, para que os pescadores continuem contando com a pesca dos mesmos no restante do ano. “Depois que foi implantado o defeso, as nossas condições de pesca do camarão melhoraram muito, pois antes do defeso, o camarão vinha sumindo”, conta Ismael.

 

 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar