Má conservação da principal via no centro causa transtornos e prejuízos Imprimir E-mail
Obras
Seg, 08 de Junho de 2009 07:40

A Av. Atlântica, entre o Corpo de Bombeiros e o hotel Continental (rua de calçamento, que é a continuação do asfalto, na principal rua de acesso e circulação ao Centro), há mais de um ano se apresenta em péssimas condições de trânsito. A região é uma das mais movimentadas do Município, mas nada é feito no sentido de facilitar a vida dos tantos munícipes que ali trafegam. Seja de carro, de bicicleta ou mesmo a pé, o risco é eminente, devido a constante necessidade de desvios bruscos dos veículos motorizados.

Desvios que só são realizados quando há tempo hábil para isso, pois na maioria das vezes, quem sofre com a irregularidade da via é o bolso do motorista que banca os reparos de seu veículo. Alguns comerciantes da região afirmam que não são poucos os casos de carros que quebram um pára-choque, entortam suas rodas, furam seu escapamento ou, então, a proteção de cárter (recipiente metálico que protege e assegura a lubrificação dos automóveis). A população anseia pela solução desse problema que tanto atrapalha o cotidiano daqueles que dependem dessa importante via municipal.

Veja as fotos:

 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar