Workshop internacional em SC discute novas ações para conservação de toninhas Imprimir E-mail
Natureza
Qui, 01 de Outubro de 2015 17:17

Pesquisadores e representantes governamentais do Brasil, Uruguai e Argentina, além de pesquisadores da Suécia, Alemanha e Estados Unidos, estarão reunidos em São Francisco do Sul (SC) na próxima semana para discutir e consolidar ações que ajudem a evitar a extinção dessa espécie de golfinho, a mais ameaçada do Oceano Atlântico sul. É a oitava edição do Workshop para a Coordenação da Pesquisa e Conservação da Toninha no Atlântico Sul, organizada pelo Projeto Toninhas/Univille em parceria com o Consórcio Franciscana. O evento recebeu apoio financeiro de instituições da Alemanha - Fundação Yaqu Pacha e Zoológico de Nuremberg – e dos Estados Unidos – Marine Mammal Comission e Cetacean Society International - e será realizado de 6 a 8 de outubro no Hotel Villa Real. Representantes de 30 instituições que atuam em atividades de pesquisa e/ou gestão envolvendo a toninha participam do encontro.

Segundo a coordenadora do Projeto Toninhas, a professora Marta Cremer, do departamento de Biologia da Univille, a pauta inclui uma atualização do conhecimento adquirido sobre a espécie nos últimos anos, a definição de prioridades de pesquisa e conservação para a espécie e a proposição de estratégias de conservação em nível governamental, incluindo a proposição da toninha para a elaboração de um Plano de Ação no âmbito da Comissão Internacional da Baleia (CIB).
 
Fonte de informação: Bióloga Marta Cremer (Univille) e Assessora de Imprensa Adriana Zoch (Univille).

 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar