Vereadores manifestam preocupação com o futuro da Festa das Nações Imprimir E-mail
Eventos
Sex, 16 de Abril de 2010 07:15

Um dos principais temas discutidos na última Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Itapoá, realizada dia 12 de abril, foi em relação à tradicional Festa das Nações, a qual todo ano movimenta o Município em pleno ápice da baixa temporada, o mês de julho.


Segundo o Vereador Jeferson Rubens Garcia (Jefinho), ao contrário dos últimos anos, estamos em meados de abril e não se vê publicidade, tampouco movimentação referente aos preparativos da referida festa. O Vereador disse ter conversado com o Geraldo Weber, organizador da Festa e que diz estar sofrendo com a falta de apoio desde a edição passada (2009). Jefinho sugeriu que seja feita uma comissão referente à Festa, incluindo a sociedade civil e o Poder Público, como é feito nos eventos tradicionais de outros municípios. “Não vamos deixar essa Festa cair no esquecimento”, disse o Vereador Jeferson.


O Vereador Daniel Silvano Weber também comentou o tema, dizendo que Itapoá não pode correr o risco de perder essa tradicional festa. “Em Itapoá, temos que ter uma festa tradicional, para uma melhor identificação. Chegou a hora do Executivo Municipal abraçar essa ideia”, completou.

Vereadora Márcia Regina Eggert Soares diz que o Governo do Estado ainda não se manifestou quanto ao apoio para a Festa das Nações neste ano e isso está atrapalhando o andamento desta edição da Festa das Nações. O Vereador Izaque Goes disse que o Executivo Municipal tem auxiliado na medida do possível, a realização do evento. Ele considera que a Festa das Nações ainda não identifica culturalmente o Município, como ocorre com as festas tradicionais de outros municípios. “Se existe prejuízo, é hora de se pensar sobre a viabilidade da Festa”, disse o Vereador Izaque.

O Vereador Marcelo Antonio Tessaro considera ser obrigação do Poder Público colaborar com essa, que, atualmente, é a festa mais típica do Município. O Vereador José Maria Caldeira diz que várias festas já foram criadas com o intuito de se tornarem festas tradicionais, mas não obtiveram sucesso e citou que o Poder Executivo, em outra oportunidade, já tentou trazer a responsabilidade da Festa das Nações para si, mas não obteve êxito.

O Poder Legislativo se comprometeu a enviar ofício ao Poder Executivo, bem como procurar os órgãos públicos estaduais, tentando viabilizar mais essa edição da tradicional Festa das Nações.


 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar