ENTREVISTA: Sérgio Aguiar, Prefeito de Itapoá Imprimir E-mail
Entrevistas
Dom, 24 de Fevereiro de 2013 08:00

Sérgio Aguiar, prefeito de Itapoá.Sérgio Ferreira de Aguiar nasceu em Curitiba (PR), no dia 1º de fevereiro de 1954. Com apenas 10 anos de idade, em 1964, ele já frequentava Itapoá, época em que o acesso ao Município era bastante complicado.  Sérgio conta que saíam de Curitiba em um Jeep ao clarear do dia e chegavam a Itapoá ao entardecer (atualmente, a viagem entre as duas cidades leva menos de duas horas). Após o seu casamento, em 1978, ele e sua esposa fixaram residência definitiva em Itapoá. “O que me trouxe para cá foi a certeza de que Itapoá seria uma cidade com futuro promissor e um lugar bom para se formar uma família”, conta Sérgio, que assumiu a Prefeitura de Itapoá pela terceira vez no último dia 1º de janeiro (2013). O Prefeito iniciou sua vida em Itapoá administrando o Hotel e Restaurante Continental na temporada entre 1978 e 1979. “Como naquela época não havia movimento fora da temporada, o hotel era fechado e buscávamos atividades complementares. Assim, trabalhei na abertura de ruas de diversos loteamentos, bem como no comércio para lojas de material de construção. Sempre tive uma ligação muito estreita com todos os moradores de Itapoá, pois no passado, as dificuldades eram maiores e sempre procuramos auxiliar a todos com os recursos que dispúnhamos. Acredito que participei de acontecimentos significativos da vida de muitos habitantes de nossa cidade, em momentos alegres e também em momentos tristes, fazendo-me presente de forma integral no dia a dia da cidade nos últimos 34 anos”, comenta.


A partir de agora, você confere a mais recente entrevista que o Diário de Itapoá fez com Sérgio Aguiar (PMDB), atual Prefeito de Itapoá:

Como começou o seu envolvimento com a carreira política?
O envolvimento iniciou em 1988, quando me candidatei a vereador pelo nosso município mãe, Garuva, e fui eleito com o maior número de votos. Através do cargo, pude conviver diariamente com todos os problemas e necessidades do nosso, então, distrito de Itapoá. Após a emancipação política, conquistada com a luta de todos os moradores da época, me candidatei e fui eleito prefeito no ano de 1992, para a gestão 93/96; e depois da mesma forma no ano de 2004, em que fui eleito para a gestão 2005/2008.

De que forma o senhor avalia o voto de confiança dos itapoaenses ao o elegerem em 2012? Como pretende retribuir essa confiança?
Sou grato por mais este voto de confiança recebido, e entendo que a maior retribuição é continuar sendo a pessoa que sempre fui. Nestes 34 anos que moro em Itapoá, os que me conhecem sabem que podem contar comigo em qualquer circunstância, tendo ou não cargo eletivo. Nunca mudei minha maneira de ser e não pretendo deixar de atender a população, pois estou acostumado a governar junto com o povo, sempre atendendo suas reivindicações e necessidades.

Quais têm sido as principais preocupações do Poder Executivo neste início de gestão?
O principal foco no início da gestão foi formarmos uma equipe de trabalho extremamente competente, para que possamos alcançar os objetivos e metas que aqui nos propusemos.

O que podemos esperar do senhor à frente da Prefeitura nestes quatro anos?
Acima de tudo, muito trabalho e dedicação total à cidade, mas sabendo respeitar cada cidadã e cidadão itapoaense.

Como o senhor avalia a área da Saúde em Itapoá? Quais os seus projetos para essa área?
O município cresce de forma acelerada a cada dia, o que exige uma atenção privilegiada à saúde de cada cidadão. Dessa forma, a humanização do atendimento em saúde e o investimento no bem estar do cidadão são os pontos principais que conduzem todas as ações na área da saúde.  Ampliar e agilizar os atendimentos e exames, a construção e reforma de unidades de saúde, a contratação de médicos especialistas, a aquisição de equipamentos médicos e a implantação de novas equipes e programas de saúde são alguns dos projetos que norteiam uma caminhada frente ao bem estar dos itapoaenses.

Em relação à Educação, como o senhor avalia? Quais os projetos?
Como citamos em nosso discurso de posse: “A educação, nossa primeira prioridade, deve ser um instrumento para corrigir as desigualdades e uma estratégia para preparação das pessoas para o exercício da cidadania”. O nível de nossos educadores é excelente, a qualidade de ensino em nossa cidade é um exemplo para qualquer outro município. Hoje, a maior preocupação na área educacional é com o número muito elevado de novos alunos, o que exige a curto e médio prazo, a ampliação de escolas e a construção de novas salas de aula e creches.

E a área da Cultura?
A cultura é o que fica depois de se esquecer de tudo o que foi aprendido. Assim, instigar o desenvolvimento, a preservação e a valorização da cultura local são pontos importantes da nossa gestão. A mesma deve ser apoiada e promovida na perspectiva de construção de uma sociedade criativa.

O que o senhor espera desta gestão (2013/2016) do Poder Legislativo Municipal?
Queremos fazer uma gestão integrada com o Poder Legislativo. Tenho certeza que nossos objetivos são os mesmos. Ou seja, fazermos um trabalho consciente, transparente e totalmente voltado aos cidadãos itapoaenses. Tenho certeza que nossos vereadores entraram nesta legislatura com o olhar focado no desenvolvimento e no futuro extremamente promissor de nossa cidade.

Como o senhor avalia a recente concessão dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário no município de Itapoá para uma empresa privada (a Itapoá Saneamento)?
A concessão já foi realizada. Assim, cabe a nós o poder de fiscalização para que o cronograma estabelecido seja cumprido dentro dos prazos.

Há alguns anos, o Município passa por um sério problema, que é a erosão de sua orla marítima, como o senhor avalia essa situação?
A contenção da orla é um trabalho imprescindível, afinal, para termos uma cidade planejada, precisamos dar segurança aos turistas e investidores e. Para isso, a orla deve estar estabilizada. Dessa forma, já estamos buscando todas as formas de recursos para iniciar um trabalho de contenção do avanço das marés.

Caso alguém da comunidade queira fazer alguma reivindicação ou, então, dar alguma sugestão ao Prefeito Municipal eleito, como deve proceder?
A Prefeitura e todos os servidores estão acessíveis à toda comunidade. Os munícipes podem procurar pessoalmente os secretários municipais e o gabinete do prefeito, ou também por telefone ou mesmo e-mail. Queremos a participação da população, que são os olhos em todas as comunidades e ruas, para a construção de uma Itapoá cada vez melhor.

Qual a mensagem que o senhor deixa para a população itapoaense e, até mesmo, para os turistas que frequentam o nosso município?

Primeiramente, quero agradecer a todos por mais esse voto de confiança, por cada munícipe que acredita em nosso trabalho. Aproveito para pedir a colaboração de todos, pois uma boa gestão é realizada junto com a população. O zelo pelo patrimônio público e o cuidado com nossas belezas naturais são pontos que caminham juntos com toda ação pública. Nossa querida Itapoá está crescendo, abrindo suas portas ao mundo, e queremos, a cada dia, torná-la um lugar melhor para se viver.

A entrevista com o Prefeito de Itapoá, Sérgio Aguiar, é a primeira de uma série que o Diário de Itapoá fez e está fazendo com personalidades e autoridades do Município. Em breve, outras entrevistas estarão sendo publicadas aqui no site. A intenção é mostrar um pouco mais de cada uma dessas personalidades.


Do Diário de Itapoá.