Curso de "Finanças Pessoais - Aprendendo a cuidar do dinheiro" é realizado em Itapoá Imprimir E-mail
Educação
Sáb, 06 de Junho de 2009 17:00

Com o apoio da Univille (Universidade da Região de Joinville) e da Prefeitura Municipal de Itapoá, foi realizado na data de ontem (05), no período da tarde, o curso “Finanças Pessoais – Aprendendo a Cuidar do Dinheiro”.

Tal curso foi ministrado pela economista e professora da Univille, Jane Floriano, nas dependências da Câmara Municipal de Itapoá. Cerca de 20 artesãos participaram do evento.

O principal objetivo do curso foi apresentar, à comunidade, dicas práticas de finanças pessoais que possam ser utilizadas no dia-a-dia. A palestrante deu dicas de como economizar no orçamento doméstico, orientando a avaliar, identificar e planejar as despesas. Além disso, ela mostrou como traçar estratégias para sair do “vermelho”. Tal curso foi o primeiro, no Município, voltado ao projeto de extensão “Reciclagem Integral do Peixe”, do Departamento de Ciências Econômicas da Univille.

O Projeto é destinado a incrementar o artesanato no Município e evitar a poluição provocada pelo descarte dos restos dos peixes no mar. A orientadora do projeto, Eliane Maria Martins – professora de Economia Regional e Urbana da Univille – diz que uma das metas é firmar parcerias entre a universidade e a Associação dos Artesãos local, a fim de que se ponha em prática o projeto de extensão que visa a reciclagem do peixe no Município. “Tudo começou em sala de aula quando foi proposto desenvolver um trabalho com o objetivo de detectar e solucionar um problema”, explica Eliane.

Estão previstos, ainda, outros cursos gratuitos na área de economia, tais como gestão, empreendedorismo, marketing, formação de preços, o qual deverá ser o próximo, mas ainda não tem data marcada. Haverá, ainda, cursos práticos voltados à reciclagem integral do peixe, tais como curtimento e tingimento do couro de pele de peixe de diversas espécies consumidas pela população. “Espero que a população participe e se empenhe para, efetivamente, colocar em prática o projeto e a comunidade se beneficiar com a ideia”, completa a orientadora desse trabalho que conta com o apoio das Secretarias de Turismo, Meio Ambiente e Cultura de Itapoá.

A ideia do projeto partiu de três estudantes do ensino superior, moradoras do município, acadêmicas do curso de Desenvolvimento Regional da Univille (Ivanilda A., Karla D. e Ângela N.). O projeto foi aprovado pela Universidade e o primeiro encontro foi realizado em maio, no espaço da Feira de Artesanato de Itapoá, localizada na Avenida André Rodrigues de Freitas. Várias artesãs de Itapoá haviam feito curso de curtimento do couro e já têm ideia de como funciona o processo.

O principal objetivo do projeto, como um todo, é incentivar a utilização da reciclagem do peixe para a produção de um artesanato diferenciado. “Nossa expectativa é levar conhecimento aos artesãos e fazer com que consigam gerar mais renda com a atividade. Porque criatividade, já percebemos que os artesãos de Itapoá têm de sobra”, enfatiza a professora Eliane Maria Martins. O projeto vai auxiliar no processo de despoluição dos rios, já que os resíduos da pesca são jogados no mar pelos pescadores.

 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar