Projeto “Ser adolescente” é desenvolvido pelos alunos do 8º ano da Escola Municipal Monteiro Lobato Imprimir E-mail
Educação
Sáb, 08 de Outubro de 2011 11:23

Alunos da Escola Monteiro Lobato, no Samambaial, desenvolvem projeto Ser adolescente.Os alunos do 8° ano da Escola Monteiro Lobato, localizada no bairro Samambaial, desenvolveram o projeto “Ser adolescente” com a coordenação da Professora de Língua Portuguesa, Sonia Aparecida Alves. Dentre os temas abordados, estava a “Violência”, assunto esse tão discutido no contexto social. O Dr. Gilberto Crepaldi Mondini, Delegado da Polícia Civil de Itapoá, ministrou uma palestra sobre esse tema aos alunos do 6° ao 9° ano. Em sua exposição, ele abordou artigos importantes do Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA, no qual pensamentos como aquele de que ser menor de idade significa não ser responsabilizado é apenas mito, pois uma ação inadequada traz ao adolescente consequências drásticas e prejudiciais. O ECA, lei 8.069 de 13 de julho de 1990, dispõe que todos têm responsabilidade por seus atos. Assim, o Estatuto apresenta tanto os deveres quanto os direitos da criança e do adolescente. Além de trabalhar os principais artigos do ECA, o Delegado mencionou o tema “Vandalismo” -  prevenção e repressão.

Para os alunos ouvintes, foi de extrema valia a fala do ministrante, que ilustrou os temas com  exemplos, tornando a palestra compreensível e  agradável.

“A consciência é o melhor livro de moral e o que menos se consulta.” (Blaise Pascal)

Texto de Sonia Aparecida Alves (Professora de Língua Portuguesa), com adaptações de Terezinha Fávaro da Silveira (Coordenadora de Projetos e Eventos da SME/Itapoá) e do Diário de Itapoá. As fotos são de Ana Claudia Jacinto de Oliveira (Gestora da Escola Monteiro Lobato).



 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar