Baía da Babitonga terá novo terminal graneleiro no município de São Francisco do Sul Imprimir E-mail
Economia
Qui, 02 de Julho de 2015 20:43

Governador Raimundo Colombo esteve reunido na tarde desta quinta-feira, 2, no Centro Administrativo, em Florianópolis, com o diretor presidente da Empresa Nidera Sementes, Brandon Crozier, para autorização da implantação do Terminal Graneleiro da Babitonga.
Também participaram do encontro o os secretários de Estado da Infraestrutura, João Carlos Ecker; do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Carlos Chiodini; e o presidente da Fatma, Alexandre Waltrick Rates.
 
“A autorização para esse novo investimento, que será um dos mais modernos do mundo, já tem condições de crescer muito na exportação de grãos e importação de fertilizantes.

É uma possibilidade concreta de desenvolver significativamente o Estado, por isso, é um investimento estratégico de mais de R$ 500 milhões, com impacto e benefícios de grande importância para Santa Catarina e para o Brasil.

Colombo enfatizou que o Estado tem cinco portos modernos, eficientes e que apresentam um grande resultado, incluindo o de Laguna que é pesqueiro. “Todos apresentam um resultado cada vez melhor e com esse novo terminal, vai aumentar a competitividade, eficiência na operação, além da capacidade de importação e exportação”.

Para começar as obras de construção do terminal será necessária a emissão da Licença Ambiental de Instalação (LAI), que será concedida após várias análises de todos os aspectos envolvendo o projeto por parte dos técnicos da Fatma. Também será considerado o envolvimento da empresa com a comunidade quanto aos compromissos sociais com a população. Ainda está prevista a implantação de uma via, com aproximadamente dois quilômetros, para acesso ao terminal.

“É um investimento que vai mostrar o progresso que precisamos em infraestrutura para o setor de grãos e suprir a deficiência que o Brasil tem. Com grande felicidade e depois de muito trabalho teremos as licenças, para dentro de 90 dias instalar o canteiro de obras e iniciar a construção do terminal”, disse Brandon.

O Terminal será instalado na localidade Estrada Laranjeiras, em São Francisco do Sul, em parceria entre o grupo catarinense, a refinaria independente de açúcar, Al Khaleej Sugar, sediada em Dubai, nos Emirados Árabes e a Nidera Sementes. Com 600 mil metros quadrados, a estrutura terá capacidade de movimentar até 14 milhões de toneladas de grãos por ano. Será responsável pela geração de 295 empregos diretos e mil indiretos.

“Depois de pronto, vai trazer para Santa Catarina um movimento expressivo de cargas de grãos por ano. E em plena operação, será capaz de virar a balança comercial catarinense, ou seja, exportando mais que importando”, destacou Chiodini.

Informações e fotos do Governo do Estado de Santa Catarina, com adaptações do DI.


 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar